Tomar a pílula anticoncepcional requer disciplina para evitar problemas indesejados

10920937_765280650229608_1406083034581322747_nA pílula anticoncepcional é um poderoso medicamento que revolucionou a vida da mulher na nossa sociedade. Ela possibilitou que a decisão por engravidar fosse prerrogativa feminina, além de um melhor controle sobre o seu corpo. Atualmente, como a chamada contracepção contínua, a mulher pode ainda optar por deixar de menstruar, deixando de lado os incômodos sintomas da TPM. Grande avanço. No entanto, como qualquer medicamento, a pílula de uso oral requer disciplina para que provoque o efeito desejado. Ou melhor, para que não surjam problemas como uma gravidez indesejada.

Para evitar problemas como uma gravidez indesejada, é bom saber como tomar corretamente a pílula. Eis algumas dicas que podem te ajudar. Antes de mais nada, deixo registrado: se você usa a pílula anticoncepcional e não tem um parceiro fixo, use também o preservativo feminino ou masculino para se proteger da aids e outras DSTs.

Sem esquecimento - A pílula deve ser tomada diariamente, sem esquecimentos, preferencialmente sempre no mesmo horário. A primeira cápsula deve ser tomada no primeiro dia de sangramento menstrual. Algumas cartelas vêm com 21 e outras com 24 comprimidos, mas sempre se deve seguir o ciclo de 28 dias.

A exceção fica para o método de contracepção contínua, em que você não para de usar a pílula nunca. Se você tem dúvidas sobre esse método, fale com seu ginecologista!

Quando começar - Apesar de o uso da pílula anticoncepcional poder ser iniciado a qualquer momento, o mais recomendado é que se comece no primeiro dia do ciclo menstrual.

Início do efeito da pílula - Se você começar a tomar no primeiro dia do ciclo menstrual, e tomar corretamente de acordo com o indicado pelo médico, já estará protegida. Se começou no meio do ciclo, é necessário esperar o próximo ciclo para total proteção.

Horário correto para tomar - As pílulas anticoncepcionais devem ser tomadas no mesmo horário, pois o tempo de ação de cada pílula é de aproximadamente 24 horas. Tomar em horários irregulares não necessariamente tira o seu efeito, mas pode levar a um fenômeno comum conhecido como spotting ou sangramento de escape, e até mesmo irregularidades menstruais.

E se esquecer, o que fazer? - O ideal é que se tome a pílula em até 12 horas após o horário de costume. Se o esquecimento for no começo ou no final do ciclo, há risco de gravidez e o ideal é usar outros métodos contraceptivos. Se o esquecimento for de duas ou mais pílulas, o indicado é iniciar uma nova cartela.

Menstruação não limpa o organismo – Não se recomenda parada do uso do contraceptivo, exceto se houver desejo reprodutivo. Dar um descanso para o organismo é um conceito antigo! A menstruação é o resultado do funcionamento normal do organismo, mas existe muita confusão quando se trata da suspensão da menstruação por uso de contraceptivos. Neste caso, não ocorre acúmulo de sangue que, portanto, não precisa ser eliminado.

Cuidado com o que você toma junto - Alguns antibióticos, anticonvulsivantes, retrovirais, antidepressivos e até mesmo inocentes fitoterápicos, como a erva de São João, podem interferir na eficácia da pílula. Por isso é indispensável consultar um médico antes de utilizar qualquer medicamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>